Aproveitando ao máximo sua Panela de Pressão

Aproveitando ao máximo sua Panela de Pressão

 

Para quem é amigo da cozinha, a panela de pressão não é nenhum mistério, mas para quem está aprendendo, ela pode parecer algo complicado e difícil. Mas a gente promete: não é o caso!

 

A panela de pressão é a principal aliada de quem tem pressa na cozinha, e pode ser usada para o preparo de qualquer tipo de receita: de refeições completas a sobremesas. Independente do seu material, a panela cozinha os alimentos três vezes mais rápido que qualquer outra panela e permite que você prepare refeições inteiras em pouquíssimo tempo!


Para entender como a panela funciona, precisamos voltar ao tempo de colégio e lembrar das aulas de física: seu professor deve ter explicado que a água ferve a temperaturas diferentes, dependendo da pressão atmosférica a que ela é submetida. E o que isso tem a ver com a panela de pressão? Tudo! Quanto maior a pressão, menor é o tempo que a água leva para ferver.

 

E quer dizer que a pressão da panela vai fazer a água vai aquecer mais que em outras panelas? Sim! A panela de pressão é totalmente vedada, o que faz com que o vapor da água fique preso dentro dela, aumentando a pressão e garantindo um cozimento mais rápido do alimento que você estiver preparando.

 

Mas, independente do que estamos fazendo na cozinha, sempre temos que ter alguns cuidados. A panela de pressão, se usada incorretamente ou aberta no momento errado, pode causar acidentes e desandar o preparo da comida.

 

Para ajudar você a entender como manusear melhor sua panela de pressão, separamos algumas dicas e informações sobre nossas panelas que vão fazer toda a diferença na  hora de fazer bonito na cozinha!

 

 

Agora que você já sabe tudo o que compõe a sua panela, vamos ver o passo a passo de como usá-la corretamente.

 

1. Para abrir e fechar a panela:


Para abrir a panela, empurre a trava de segurança (6) para frente e gire o cabo da tampa para a direita até a marcação da tampa ficar alinhada com a marcação do cabo. Depois, levante a tampa.

 

P

ara fechá-la, apenas encaixe a tampa na panela e gire para a esquerda até que a trava de segurança seja acionada, percebendo-se um estalo.

 

Você já deve estar imaginando que, para abrir a panela, é preciso esperar que ela esfrie, e está completamente correto! Se a panela ficou fria, a pressão já saiu. E não esqueça de sempre observar o pino indicador de pressão sempre antes de abrí-la.

 

Uma alternativa para acelerar o processo de resfriamento pode ser colocar a panela debaixo d’água. Mas lembre-se: nunca force a abertura da panela enquanto os dispositivos de segurança indicam que ainda há pressão dentro dela.

 

 

2. Níveis de pressão


Sua panela de pressão Solar Tramontina possui dois níveis de pressão, que você seleciona conforme o tipo de alimento e o tempo de cozimento. Confira a tabela abaixo para ver o que se encaixa melhor para sua receita:


 

Importante: quando finalizar o cozimento, gire a válvula seletora de pressão (8) até a posição de descompressão e cuide para que o vapor não atinja ninguém, pois pode causar queimaduras. Após liberar toda a pressão interna, observe que o pino indicador de pressão (7) baixará. Nesse momento, a tampa já pode ser aberta.

 

3. Capacidades máxima e mínima

 

Capacidade máxima: Não encha a panela com mais de 2/3 da sua capacidade. Quando são processados, alimentos se expandem durante o cozimento, como arroz ou vegetais secos. Por isso, não encha a panela acima da metade de sua capacidade. O enchimento superior a essa medida pode causar risco de entupimento da válvula de pressão e complicar o manuseio da panela e a liberação de pressão (conforme item 2).

 

Capacidade mínima: Para qualquer tipo de cozimento, é necessário adicionar no mínimo 250ml de líquido, que é a medida essencial para a formação do vapor necessário para garantir o cozimento ideal na panela de pressão.

 

4. Fontes de calor indicadas

 

Para um melhor uso de sua panela de pressão, só exponha sua panela a chamas de tamanho igual ou menor que seu fundo, sempre centralizada sobre a fonte de calor.

 

 


5. Válvula seletora de pressão

 


A válvula seletora de pressão (8) serve para ajustar os níveis de pressão. Uma vez selecionado o nível de cozimento, a válvula controlará a pressão selecionada pela compressão de uma mola localizada em seu interior, expelindo a pressão excedente para fora pelo canal de saída de vapor.

 

6. Pino indicador de pressão


 

O pino indicador de pressão permite identificar se existe ou não pressão no interior da panela. Enquanto o pino estiver abaixado, é seguro abrir a panela. Ao levantar, indica que a panela está com pressão e o pino não permite a abertura da tampa.

 

7. Válvula e escape de segurança


 

 

 

 


Existe uma válvula de segurança (1) automática no interior do cabo da tampa, que é acionado quando há um aumento excessivo de pressão.

 

 

 

 

 


No caso de haver falhas nos itens de segurança, também previmos uma válvula de escape que fará a pressão ser expelida pela lateral da tampa. Importante: mantenha a válvula de escape sempre voltada para o interior do fogão. Assim, se o vapor sair por esta, não existe risco de causar queimaduras.

 

 

E isso é tudo! É muito importante explicar tudo direitinho para ter certeza de que não vai haver nenhum acidente na cozinha. A panela de pressão não é difícil de manusear, você só precisa conhecer um pouco mais sobre ela e seus atributos.

 

Vamos perder o medo e cozinhar muito mais coisas gostosas?

 

Obs: consulte sempre seu manual de instruções da sua panela. Lá você vai ter certeza das informações sobre o uso da sua panela, de acordo com o modelo dela.


Newsletter

Solicitar orçamento

Com a Tramontina, você sempre conta com a melhor solução para seu negócio. Preencha o formulário e solicite seu orçamento.



Máximo 500 caracteres

Telefone de contato: 0800 642 5565

E-mail: vendasmulti.mul@tramontina.net